A ditadura capilar do mullet

Até o ex-beatle Paul McCartney (à esq.) sucumbiu à ditadura. Foto: Carlos Conde

Tá, essa é mais uma daquelas coisas que a gente gostaria de esquecer para sempre, mas não consegue. Todo homem que queria arrasar com as garotas nos anos 80 precisava ter um “mullet”.

Os meninos e homens em todo o mundo aderiram à moda, que consistia em cabelos curtos na frente, em cima e nos lados, mas com longas madeixas na parte de trás.

O culpado pela disseminação do terrível corte foi David Bowie. Sim, o deus glitter usou esse cabelo por vários anos e nas mais variadas formas. O protagonista da série americana McGyver também ajudou a difundir a tosa. Aqui no Brasil, Chitãozinho e Chororó e Roberto Carlos são artistas que ficaram conhecidos por adotar o corte.

O mullet teve seu auge de breguice nos 80 (é claro), sumiu nos anos 90, mas até hoje se você procurar bem consegue encontrar alguns orgulhosos proprietários deste corte de cabelo tão polêmico.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s